5 Atitudes diárias para reforçar a cultura de colaboração na sua empresa - Vivaz

11 jun

5 Atitudes diárias para reforçar a cultura de colaboração na sua empresa

Vivaz Soluções

Autor:Gabriela Moura

A ação de compartilhar está em alta. Com o advento das redes sociais tanto na vida profissional quanto pessoal, espaços colaborativos, onde é possível contribuir com ideias e opiniões, são os ambientes mais procurados. Nesse sentido, as empresas também estão interessadas em saber o que suas equipes têm a dizer e como elas podem colaborar e mudar os negócios.

Mas o que exatamente significa compartilhar e colaborar? Em linhas gerais, significa agir com um objetivo comum em mente para a formação de algo ainda melhor do que se tivesse sido feito de maneira individual. As empresas, por sua vez, têm focado suas ações na construção de equipes conectadas e em sinergia, pois isso tem um grande impacto positivo a longo prazo. Quando todos trabalham em prol de um objetivo em comum, com sinergia e em um ambiente de colaboração, é possível atingir melhores resultados muito mais rápido. Mas como reforçar a cultura de colaboração na sua empresa? É o que veremos no post de hoje. Vamos lá?

Qual é o perfil de uma empresa colaborativa
Para reforçar uma cultura colaborativa, primeiramente, é preciso compreender o que compõe o perfil de uma empresa colaborativa, não é mesmo? Basicamente, ser uma empresa colaborativa significa conseguir engajar o time com os parceiros e clientes, fazendo com que todos tenham voz dentro da empresa e consigam expor seu conhecimento, gerindo-o e incentivando a aprendizagem social.

Segundo o site da Harvard Business Review Brasil, muitas empresas vêm adotando o ambiente de trabalho colaborativo, como IBM, Citibank e Nasa. Ao adotar essa cultura de colaboração, as empresas conseguiram reduzir suas taxas de erro em 75% e aumentar a produtividade em 10%. Impressionante, não é mesmo?

E se você acredita que nem toda empresa pode ter uma cultura colaborativa, está enganado! É possível começar a ter um perfil colaborativo com ações muito simples, como:

-definir um propósito comum;

-cultivar a ética da contribuição dentro da empresa;

-desenvolver processos que façam os colaboradores trabalharem juntos, com flexibilidade e disciplina;

-ciar uma infraestrutura que valorize a colaboração e o compartilhamento.

O que é a cultura colaborativa?
Para ter esse tipo de ação dentro da empresa, é preciso pensar na cultura colaborativa. O conceito de cultura colaborativa está intimamente ligado à internet. Isso porque existem nela diversas ferramentas colaborativas, que mostram que fazer juntos é melhor. A própria Wikipedia é um exemplo disso ou o YouTube, Waze e tantos outros exemplos de colaboração entre usuários.

Nesse sentido, o conceito de cultura colaborativa remete à possibilidade da participação de todos em prol de objetivos em comum, tanto específico quanto gerais, que tenham o propósito de contribuir com conhecimento, produtividade e soluções para tornar algum projeto ou trabalho mais prático.

Mas como aplicar essa cultura dentro da empresa? É o que veremos a seguir ao elencarmos 5 atividades diárias para reforçar a cultura de colaboração na sua empresa. Acompanhe!

Como aplicar a cultura colaborativa na sua empresa
A cultura colaborativa nada mais é do que um jeito de pensar e, por isso, pode ser aplicada a qualquer situação, até mesmo no ambiente corporativo, como já afirmamos anteriormente. A colaboração pode estar no desenvolvimento de processos eficientes ou em maneiras de deixar os colaboradores mais motivados a trabalhar, criar e compartilhar. Essa motivação é desenvolvida através da promoção de encontros entre os membros da equipe a fim de quebrar conceitos antigos e crenças limitadoras e pensar fora da caixa, de uma maneira diferente, que seja mais integrada e colaborativa.

5 atividades diárias para reforçar a cultura de colaboração na sua empresa
1. Tomada de decisões coletivas
Uma das melhores maneiras de incentivar o trabalho em equipe é garantir que todo mundo está investindo no sucesso da empresa. Ao motivar seus colaboradores a participar e se engajar nas decisões da empresa, você consegue ter a certeza de que eles estão na mesma página quando se trata de metas e estratégia. Assim, eles se tornam mais propensos a se responsabilizar sobre as decisões tomadas, participando e colaborando, ao invés de simplesmente cumprir uma tarefa ou ordem sobre a qual não tiveram nenhuma participação.

Para isso, faz-se necessário que os colaboradores debatam e avaliem ideias, façam perguntas e então formulem decisões. Esse processo menos hierárquico e mais descentralizado aumenta o trabalho em equipe e o engajamento de todos, tornando a comunicação mais transparente e o processo mais produtivo como um todo.

2. Flexibilidade
Oferecer a liberdade de os colaboradores trabalharem como e quando quiserem, faz com que eles estejam mais propensos a desenvolver soluções criativas para os problemas da empresa. Além disso, com esse engajamento, o ambiente corporativo proporciona uma atmosfera de confiança e lealdade, em que todos procuram ser flexíveis, colaborar e, principalmente, reconhecer suas limitações e pedir ajuda, fazendo com que a equipe prospere mais rapidamente e a tensão diminua.

3. Reconhecimento do time
Tradicionalmente, os elogios e premiações acontecem individualmente, ou seja, um colaborador é reconhecido acima de todos os outros. Para promover uma cultura de colaboração dentro da empresa, é preciso pensar de outra maneira, ou seja, em eventos que celebram o empenho e desempenho de toda a equipe. Esse tipo de ação diminui a tensão da concorrência e da competitividade e abraça o trabalho em equipe, passando a ideia de que o sucesso vem quando todos se esforçam e trabalham juntos em prol de um mesmo objetivo.

4. Resolução de conflitos
É preciso ter muita atenção para problemas que possam vir a ocorrer entre os membros da equipe. Esses conflitos estão mais propensos a surgir quando o prazo de entrega de algum projeto se aproxima e os nervos ficam à flor da pele. Por isso, é muito importante manter os colaboradores cientes de suas responsabilidades e deixar um canal de comunicação aberto, claro e transparente.

O acompanhamento diminui os erros, o estresse e a tensão, faz com que todos se sintam acolhidos e em uma atmosfera de engajamento e colaboração.

Também é importante citar que com a tão famosa geração dos Millennials, ou geração Y, precisamos refletir sobre os atritos gerados pelos encontros geracionais. Afinal, esse é o grande desafio enfrentado pelas empresas atualmente. Para promover o engajamento das equipes, é preciso entender que elas são formadas por diferentes gerações e pessoas em diferentes níveis na carreira profissional e, principalmente, compreender que cada geração lida com a tecnologia de maneira diferente no ambiente de trabalho.

Mas como encontrar um meio de engajar todas as gerações? A resposta realmente está na linguagem. Para garantir uma comunicação clara e transparente e, principalmente, engajadora, é preciso criar iniciativas e promover ações de endomarketing que fidelizem os colaboradores. Pense neles como clientes internos. Logo, ações de valorização aliadas à comunicação interna com o tom de voz direcionado e segmentado para cada geração auxiliará na disseminação do sentimento de pertencimento, que é fundamental para gerar confiança e credibilidade na empresa, promovendo engajamento e uma comunicação assertiva.

5. Espaços colaborativos
Não só a atmosfera emocional, mas o espaço físico também é importante para reforçar a cultura de colaboração na sua empresa. Uma boa ideia é pensar realmente em espaços de colaboração, como mesas de reunião com quadros brancos que incentivam o brainstorming, salas de descanso para que os colaboradores conversem entre si e troquem experiências.

Essas interações, mesmo que informais, podem trazer boas ideias e impactos muito positivos para o negócio, pois além de criar laços mais fortes entre a equipe, também possibilita uma taxa de retenção maior dos colaboradores e um trabalho de equipe mais assertivo.

Mas embora o investimento em espaços físicos que proporcionem encontros geradores de ideias e de engajamento sejam importantes, devemos lembrar que cada colaborador possui um perfil ou personalidade e nem todos sentem-se à vontade para trocar ideias em um ambiente com muitas pessoas. Se um membro do time não é tão colaborativo em uma reunião presencial por ser mais introspectivo ou mesmo tímido, talvez ele se expresse melhor compartilhando suas ideias por escrito. Então, por que não ter ferramentas de compartilhamento online, onde esses colaboradores possam participar ativamente à sua maneira, trocando ideias, deixando comentários e sugestões para o que está sendo discutido?

Tendo em vista os diferentes perfis dos colaboradores, elencamos algumas estratégias que podem auxiliar a empresa na hora de promover a cultura de colaboração:

-Promova a utilização de espaços virtuais e colaborativos baseados na web, como redes sociais e ferramentas de colaboração, como o Trello.
-Facilite a dinâmica da equipe através de ferramentas colaborativas, como Asana ou MindMap.
-Estimule a colaboração com um sistema de recompensa baseando-se não no individual, mas no grupo.
-Utilize os dispositivos móveis para promover reuniões.
-Utilize estratégias de Gamification para estimular a interação e a criatividade de todos.

Redes Sociais

Fale Conosco

Deixe seu contato, que ligamos pra você.

 Candidato Empresa